MAXIXE NORDESTINO
Código
Apresentação
Pedido
Mínino
Unidade
Venda
173
Cx. 1Kg / 20 pouches X 50g
1Kg
Kg
56
Cx. 2Kg / 20 pouches X 100g
2Kg
Kg
522
Maço 100g / 10 ENV. LP X 10g
ENV.
Unidade

• Ciclo entre 70 e 90 dias.
• Planta vigorosa, bastante produtiva e muito comum em todo o Nordeste do Brasil.
• Produz frutos cilíndricos, de 4 a 6cm de comprimento médio.
• Coloração verde-clara brilhante.

Nome comum: Maxixe Nordestino
Nome científico: Cucurbita pepo var. melopepo
 
PROPRIEDADES DE SOLO E SUGESTÕES DE ADUBAÇÃO:
pH
do solo
T(ºC) solo
germinação
Variação ótima
V
(%)
Adubação Básica
(Kg/ha)
Adubação de
Cobertura (Kg/ha)
Adubação Foliar
N
P2O5
K2O
N
P2O5
K2O
5,5
a
6,5
25-35
65
30-40
200-300
100-150
60-100
0
30-40
Ca, B e Soluções
com C orgânico

Distribuir a aplicação de cobertura em 2 aplicações a cada 15 dias após a emergência das plantas. Quanto à adubação orgânica: aplicar 15 ton/ha de esterco de curral ou 5 ton/ha de esterco de galinha curtidos.

PRINCIPAIS INDICAÇÕES SOBRE O SISTEMA DE CULTIVO:
Espaç.
(m)

sem./g
Gasto
de
sem./ha
Densid,
de
plantio
(pls/ha)
Profund.
de
plantio
(cm)
Semen-
teira
Trans-
plante
Semeadura
direta
Plantio
Sistema de
Condução
Tipo de
irrigação
1,50
x
0,3
50
a
60
1Kg
a
1,5Kg
22.000
0,5-0,8
Não
Não
Sim
Manual
Mecânico
Rasteiro
Aspersão, Sulco
e Gotejo.
Sim
Sim*
* Feito com plantadeiras(direto).
 
Dicas Importantes:
• Deve-se evitar aplicações de inseticidas na fase de florescimento e durante as manhãs para não interferir na eficiência de polinização das abelhas. Excesso de água no florescimento pode acarretar inviabilidade do pólen e baixa receptividade no estigma.

CICLO: 70 a 90 dias.
RENDIMENTO: 600 a 700 caixas/ha.
 
Principais doenças: Mancha de Alternaria (alternaria cucumerina); Míldio (Pseudoperonospora cubensis); Antracnose (Colletotrichum orbiculares); Oídio (Sphaerotheca fuliginea); Crestamento Gomoso (didymella bryoniae); Murcha de Fusário (Fusarium oxysporum f. sp. melonis); Podridão do Colo (Macrophomina phaseolina); Mancha Angular (Pseudomonas syringae pv. lachrymans); Tombamento (diversos patógenos), fungos responsáveis pelo tombamento de plântulas em Cucurbitáceas (Fusarium soo., Phytophthora spp., Pythium spp., Rhizoctonia solani e Thielaviopsis basicola); Vírus da Mancha Anelar do Mamoeiro - PRSV-W (Papaya Ringspot Virus - Watermelon Strain); Vírus do Mosaico da Abóbora - SqMV (Squash Mosaic Virus); Nematóides das Galhas (Meloidogyne spp.); Algumas anomalias fisiológicas podem acabar ocorrendo, como o apodrecimento da ponta do fruto, ocasionado por polinização deficiente ou deficiência de cálcio.
 
Principais pragas: Lagarta Rosca (Agrotis ipsilon); Broca das Cucurbitáceas (Diaphania nitidalis); Broca Grande do Fruto (helicoverpa zea); Pulgão-das-Inflorescências (Aphis gossypii); Vaquinha (Diabrotica speciosa); Minadora de Folha (Lyriomisa spp.); Mosca Branca (Bemisia tabaci).

Fontes: Manual Técnico - Cultivo de Hortaliças 2011 - abcsem / Catálogo Hortivale

PÁGINA INICIAL
- LISTA DE PRODUTOS